Alter do Chão: Do Tapajós as mais belas praias da Amazônia

História

Em Santarém, Alter do Chão foi fundada no dia 6 de março de 1626, pelo português Pedro Teixeira. É a antiga aldeia dos Borari, que com a chegada dos jesuítas recebeu o nome de Missão de Nossa Senhora da Purificação. Elevada à vila e em seis de março de 1758, por Francisco Xavier de Mendonça Furtado, recebeu o nome de Alter do Chão. O nome é de origem portuguesa.

Geografia

Alter do Chão é um dos distritos administrativos do município de Santarém, no estado do Pará. Localizado na margem direita do Rio Tapajós.  Um dos lugares mais lindos que já vi nessa amazônia deslumbrante que o norte do Brasil a apresenta. O pequeno distritos no verão fica cheio de ilhas e extensas faixas de areia branca  banhadas pelas águas límpidas e esverdeadas do Rio Tapajós. Tudo isso é formado no  período da vazante do rio que via de agosto a fevereiro. Como todo rio que se prese, sendo eu, cria na beira do Rio Branco e sei como é ,  ao banhar nessas águas cuidado com as arraias e seu temido ferrão  venenoso. Dicas do pessoal do norte, Brasil!

Época do ano para ir

Há duas épocas bem definidas para conhecer Alter do Chão: entre agosto e janeiro, meses de vazante do Rio Tapajós, formam-se as praias de areia branquinha e o vilarejo recebe um grande número de turistas. De fevereiro a julho, as praias desaparecem na imensidão do rio cheio, mas o cenário é talvez mais belo ainda, tanto que os moradores dizem que é a melhor época para conhecer Altero do Chão.

Como chegar?

A base para chegar a Alter do Chão é Santarém, que recebe voos diretos provenientes de BrasíliaBelém e Manaus. De carro, são 38 km pela PA-457, que é asfaltada. Táxis a partir do aeroporto, distante 15 km de Santarém e 33 km de Alter do Chão, são a melhor alternativa para chegar no vilarejo. Ônibus de linha, opção menos indicada para quem está com malas, saem de hora em hora da Avenida Tapajós e de outros pontos da cidade. Gastando bem mais, é possível alugar um carro no aeroporto.

Siga e curtam insta: @joviajou

Minha trip até lá…

Partindo de Boa Vista, pequei voo de Azul até Manaus, comprando trecho a trecho. BVB/MAO – MAO/STM. Como fui passar apenas 3(três) dias foi bem corrido, mas valeu cada tempinho por lá. Chegando à Santarém, no Aeroporto que fica longe do centro, peguei um táxi até o hotel. Se você quiser ir de ônibus até Manaus e de Manaus a Santarém de avião, também é válido. Tem a empresa, Azul, Gol e MAP que fazem voos para Santarém partindo de Manaus.

Imagem: Jôviajou. Aeroporto de Santarém/PA.

Transporte em Santarém e Alter do Chão

No aeroporto tem os táxi do aeroporto que são mais caros. Para te deixar no centro custa R$ 90,00. Mas como em todos aeroporto eu desvio do desembarque e vou para a porta de embarque, fui saber outras opções. Em Santarém, não há UBER, só 99táxi, porém, ainda caro deu 72,90 até o hotel que iria ficar em Santarém. Sem internet, pois a conexão da OI e TIM, são péssimas, perguntei do senhor do Proteg bag se não havia interne.  Ele me deu a senha e fui procurar táxi no aplicativo. Perguntei a ele se só tinha esses táxis caros aqui, e pra quem é lisa? O que faz? O cara da protegbag  disse: tem esses taxitas que ficam no estacionamento e cobram mais barato. Quanto é até o centro? R$ 50,00. E eu chorei, mas era o preço, lá estava eu desembarcando e pegando o táxi pro hotel.

Táxi do aeroporto ao centro: R$ 90,00

Táxi 99táxi: R$ 72,90

Táxi do estacionamento do aeroporto: R$ 50,00

Imagem: Jôviajou. Aeroporto de Santarém. Embarque a direita, por onde é bom sempre desembarcar.

Onde se hospedar em Santarém?

No meio do caminho o motorista disse que poderia me levar a Alter do Chão, que fica a 37km de Santarém, por R$120,00 Mas eu já tinha pagado o Hotel e estava cansada da viagem. Fiquei no hotel no centro bem localizado e com café da manhã bem servido, só faltou o açai no cardápio. O custo da diária foi 105,00, na promoção. Na tarifa balcão era 140,00.

Para a noite tem O Mosquitinho é um bar de música boa de Santarém que o taxista me indicou que fica na Orla da cidade.

Como ir para Alter saindo de Santarém?

Pela manhã, umas 8h sai de Santarém para Alter do Chão de Bus que custou R$ 3,60 a passagem. É um ônibus urbanos e tem muitas paradas. O nome da empresa e Eixo Forte, se quiser pedir informações das linhas o e-mail: eixo_forte@yahoo.com.br. Ao entrar no bus não sente do lado direito, muito sol na cara quem for na janela. E o lado de subir é por trás. Na frente desce. Para ir Alter do Chão existem  várias formas, como o táxi que cobra R$100 de dia, até lá.

 

Imagem: Jôviajou Parada de Ônibus ao lado do hotel que me hospedei em Santarém.
Imagem: Jôviajou. No Ônibus, a estrada está sendo duplicada e em muitas partes tem ciclovia.

Chegando em Alter do Chão

Após quase uma hora de para-para, essa é a desvantagem do ônibus urbanos, cheguei à vila. Gente, que paisagem deslumbrante de encher os olhos. Desembarquei na rua lateral da igreja que sai em frente a praça.

Imagem: Jôviajou Desci na rua lateral da igreja, em frente a praça.
Imagem: Jôviajou. Essa é a primeira vista após atravessar a praça. Ilha do Amor.

Onde se hospedar em Alter do Chão?

Alter do Chão possui muitos hotéis e pousadas de todos os gostos. Mas como sou uma viajante solo e econômica, fiquei no hostel bem localizado como a diária R$50, 00 em quarto feminino para 6  com banheiro privativo, e claro como ar-condicionado e café. O café, bem regional com açai e farinha de tapioca bem caboclo mesmo, do jeito que eu amo e me sentindo em casa. Os turistas estranhando algumas coisas e perguntando o que eram aquelas coisa diferentes no café.

Imagem: Jôviajou. Meu quarto feminino para seis, com banheiro privativo. Minha cama é bagunçada em qualquer lugar. rsrsrs

O que fazer?

Eu fui pra fazer a Flona,  mas é um passeio de um dia todo e teria que ter chegado mais cedo à Alter. Como só passei o sábado e domingo completo fiz passeio de barco de um dia inteiro com almoço na Casa de Saulo que não me pagou nada para isso, mas é muito bom mesmo, conforme a fama. E o famoso por do sol de fim de tarde na praia do cururu.

Imagem: Jôviajou Seguindo o passeio.
Imagem: Jôviajou. No barco seguindo para as praias.
Imagem: Jôviajou. Lago Preto.
Imagem: Dá’jima. Praia Jutubinha e Jutubão
Imagem: Jôviajou. Praia Jutubinha e Jutubão
Imagem: Guia. O lugar é lindo, você faz vário books. rsrsrs
Imagem: Jôviajou. Ponta de Pedras
Imagem: Letícia. Ponta de Pedras
Imagem: Guia. Restaurante Casa de Saulo.
Imagem: Jôviajou Restaurante Casa de Saulo.
Imagem: Jôviajou Restaurante Casa de Saulo.
Imagem: Guia. Restaurante Casa de Saulo.
Imagem Jôviajou. Pôr do Sol.
Imagem Jôviajou. Pôr do Sol na ponta do Cururu.

A noite jantei um sanduíche local como um copão de suco natural de graviola e antes teve uma apresentação de carimbó. O lugar é lindo e tranquilo, as pessoas são receptivas.

Imagem Jôviajou. Onde comi o Sanduíche delicioso com ingredientes regionais.
Imagem: Letícia. Letreiro de Alter do Chão.

No domingo fiz a trilha da Serra Piroca que são cerca de 3km subindo e onde você ver Alter do Chão em 360 graus. O lugar é lindo e a subida é leve. Depois fiquei de boas na praia do amor aguardando o peixe chegar pra me despedir daquele paraiso. Para atravessar precisa pegar o barco que custa R$ 5,00 por barco levado a remo mesmo até a Praia do Amor.

Imagem: Jôviajou. Ilha do Amor.
Imagem: Jôviajou. Travessia da Ilha do Amor.
Imagem: Jôviajou. Inicio da trilha Serra Piroca. Essa trilha é pouco divulgada, pois é de graça e autoguiada. Por isso, muitos não falam dela.
Imagem: Jôviajou. Trilha do Mirante da Serra Piroca
Imagem: Jôviajou. Mirante da Serra Piroca
Imagem: Jôviajou. Mirante da Serra Piroca e as meninas do hostel.
Imagem: Jôviajou. Praia no Fim de domingo de eleição. Ilha do Amor.
Imagem: Jôviajou. Praias.

A volta foi do mesmo jeito. Peguei o bus na rodoviária, pois era domingo e só saia esse horário. O interessante é que tem fila e o fiscal. Tudo controlado.

Imagem: Jôviajou. Bora Pegar o Bus.

Para voltar e ir direto para o aeroporto, basta descer na parada em frente ao shopping Tapajós, atravesse a rua e vá esperar o ônibus na parada em frente ao shopping.

Imagem: Jôviajou. Terminal Rodoviário de Alter do Chão. Aos domingos, o ônibus só sai do terminal, faz-se fila para entrar no ônibus.
Imagem: Jôviajou. Eu fui na frente, pra garantir que não ia passar da decida do ônibus pra pegar o ônibus/táxi para o aeroporto.

Meia hora depois observando os paraense e nada de ônibus, aproveitei que a TIM estava pegando e chamei o táxi por aplicativo 99táxi e me levou até o aeroporto. Era 18h e deu R$38,  até o aeroporto. Cheguei cedo no aeroporto, mas perder o voo que eu  não queria né… Observar os horário dos ônibus, pois é diferente nos domingos e há uma tabela.

Imagem: Jôviajou. Partiu BVB.

 

O lugar é encantador para os visitantes e nativos. Hoje Alter do Chão é um dos lugares mais visitados  da região Norte e do Pará.

 

Gostaram? Deixe seu comentário

 

Siga insta: @joviajou

Curta a Fanpage: /joviajou

(Visited 211 times, 1 visits today)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.