Dia Internacional da Mulher: pra Mim, Você, Elas e Nós

Dia 8 de março, DIA INTERNACIONAL DA MULHER, data essa que comemoro, há 33 anos, duas vezes. É! duas vezes, pois também faço aniversário nessa data, desde 1985.

Não seria clichê receber dois parabéns pelas duas datas; ou só uma vez por ser meu aniversário; ou só uma vez pelo dia da mulher, já que todos os anos é a mesma coisa, familiares, amigos, colegas e conhecidos enchem minhas redes sociais de “Feliz Aniversário”.  Obrigada, é um prazer! Mas o que falar dessa data para mim, você, elas e nós?

Talvez para mim, seja mais importante que pra você pela comemoração dupla; talvez seja pra  você (mãe) que  me teve nessa data tão especial historicamente; talvez para elas que  comemoram apenas o dia da mulher e que tem um bela história de luta como mulher;  talvez para nós  que fazemos aniversário hoje, seja homem ou mulher e pra mulher que teve sua cria nessa data tão significante.

Acordei querendo escrever, mas escrever o quê? A história do seu dia, ou  a sua história de vida, ou história das outras? Você acorda, olha pro lado e pro outro. Opa! hoje não vou trabalhar e segue logo pro PC com gana de escrever. Mas chegando frente a ele, dá aquele branco, e que branco, e nada sai e não sai nada. E vem milhões de vezes a mesma pergunta acima. Que história contar?

Após olhar pra essa tela por alguns minutos, vem as lembranças de comemorar duas datas em um só dia. Que de muitos obstáculos encontrado pelo caminho, em escrever essa post, consegui encontrar aqui a solução para falar do nosso dia descrevendo um intervalo pequeno da minha manhã no dia tão importante pra Mim, Você, Elas e Nós, falando assim, com TODAS.

Vou falar sobre Mim:

Era uma vez uma mulher de 33 anos, que só queria viajar, viajar e viajar. Na verdade sempre foi o que ela gostou de fazer, viajar, que até criar uma marcar pra ela foi feita. A marca é símbolo do que associa sua vontade de sempre querer viajar e de realmente viajar. Isso é pouco sobre mim, mas se eu fosse descrever o que sofro como mulher viajando sozinha, teria que escrever outro post aqui, mas é viajando sozinha que questiono todas as palavras mal ditas ao longo das viagens. Essa é minha maneira de ser mulher!

Muitas fotos de viagem que tiro são de braços abertos. É uma das poses de foto que mais gosto, por expressar minha liberdade de poder ser mulher e viajante nesse mundo opressor, onde mulher viajando sozinha ainda é vista por muitos como doida, aventureira e irresponsável.

Daqui, já escrevi um pouco sobre Mim, para você, elas e nós, pois é o nosso DIA, é nesse dia que rapidamente embarcamos em um jornada contra o tempo de luta para questionar nossos problemas históricos que ainda insistem em aparecer e batem a porta até hoje, concordar com tudo que é feito de homenagem por ser mulher e agradecer os parabéns já é rotina nessa data, mas não podemos esquecer do objetivo principal da existência desse dia e homenagear Você. 

E o que falar para Você?

Com tudo isso, também lembro das histórias das mulheres que lutam por uma causa, por um direito, por você e que mesmo poucos entendendo a importância dessa data,  o mais importante é que você deve se conhecer e saber fazer as escolhas certas. Escolha certa, é fazer o que você realmente gostaria de fazer, pois pra isso não tem hora nem lugar, foi pra isso que elas lutaram. Imediatamente, como mulher, lembro de você (mãe), pois todos têm uma mulher na sua vida, e a minha é Ela de todas Elas.

E o que falar para Elas?

Elas sabem distinguir o que é bom, elas sabem o que é uma coisa interessante e de valor. Elas se conhecem o suficiente para saber quem é, o que quer e quem quer. Elas não ficam com quem não confiam. Elas se tornam especialistas em resolver problemas de todos os tipos com o passar do tempo e como ninguém. Elas são mulheres de  luta, batalhadora e especialistas em dar amor, Elas somos Nós.

E o que falar para Nós?

Posso dizer que nós somos mulheres  guerreiras de todos os tempos, que os tempos de hoje apesar de possuir leis e direitos, ainda existem a hipocrisia que muitos dizem fazer e ser, mas que numa sociedade cruel ainda muito se veicula o contrário que se propõe. Do passado, nós conhecemos histórias miraculosas, no presente,  nós vivemos muitas coisas ruins e boas também, e do futuro, nós ainda temos muito que buscar e lutar, pois essa busca não deve ser lembrada apenas em um dia.

Desse dilema no que escrever e dizer, ou eu fazia isso e não deixava esse dia passar em branco em homenagem a TODAS, ou continuaria como se fosse mais um aniversário, para minha história pessoal e a história de todas as mulheres como todos os anos. Deveria ou não escrever esse post e divulgar assim? Não sei, só sei que devia fazer o “certo” fazer o que eu queria fazer, escrever e não calar.

Assim escrevo para lembrarmos que datas, são datas, mas o que você vive nela ou comemora é que faz a diferença de mais um dia na sua agenda de compromissos. Foi essa decisão que me fez nesse momento olhar pra cima e ver quantas linhas já escrevi mesmo achando que não tinha “nada” na cabeça para relatar e talvez seja a publicação desse post que fez meu dia melhor, nosso dia melhor. Essa é uma maneira de comemorar por TODAS.

E então, e nesse fim de história que posso deixar meu registro e dizer que o dia de hoje não é e nem  será apenas mais um dia, sempre será o dia 8 de março, o dia que TODAS nós podemos gritar mais um grito de liberdade em cima de muitas opressões presentes no mundo contemporâneo. Pois, falar sobre mim, e para você, para elas e para nós, é forma de dizer que estamos juntas e cada vez mais nos uniremos em busca da nossa liberdade de podermos ser e fazermos o quiser.

 

FELIZ DIA INTERNACIONAL DA MULHER!

 

 

*Quando falo de  TODAS, me refiro as mulheres, cis e trans.

Texto dedicado a todas as pessoas que lutam por equidade social nesse mundo patriarcal. 

Siga insta: @jôviajou

Curta Fanpage: /joviajou

(Visited 145 times, 1 visits today)

2 pensamentos em “Dia Internacional da Mulher: pra Mim, Você, Elas e Nós”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.